segunda-feira, junho 21, 2010

MÃE



Fecho os olhos e fico a pensar
Em você, que Deus levou
Não contenho as lágrimas
A saudade doi no peito
Sua ausência é triste
Gostaria que estivesses aqui
Sinto sua falta
Mãe, so queria te dizer
Eu te amo muito!


Beijos carinhosos de sempre



terça-feira, junho 15, 2010

Em vão!



Foi em vão

Os momentos de amor

O tempo das carícias

O beijo e seu calor

Só valeu a flor

Que seu perfume

Em minhas mãos ficou

Meu silêncio me acalma

Traduz minha alma

O segredo da cor

Trago comigo no peito

Por mais que tenha estado em meu leito

Nada muda o sabor

Da desventura, da desilusão

Meu nobre coração

Não te deixará mais entrar

Rasgastes meus sentimentos

De mim levastes os sonhos

E nada mais restastes

Do que lembranças partidas

Na voz do meu cantar!

Beijos carinhosos de sempre