terça-feira, março 31, 2009

Sou!

Sou a saudade que me impede de sonhar
Uma saudade doída, que me faz chorar...
E minhas lembranças não me deixam cantar
A música que não quero calar
Sou a dor de uma lembrança
De um amor feito criança
Que partiu da minha vida
Deixando-me sem saída
Sem caminho
Sem rumo
Triste dor que me corrói
Essa dor do coração
Entregue a uma paixão
Um amor, uma solidão...
Seguirei meu destino
A estrada da vida
Na esperança de que um dia
Você possa voltar
E de novo me fazer sonhar!


**
S.M
**
Beijos carinhosos de sempre!