quinta-feira, setembro 20, 2007

Sinto o amor.

Sinto o vento tocando
meu rosto, sinto vida
no vento, e posso
sentir nesse vento
sua mão a me tocar.
Sinto seu amor me corroer
a pele, minhas entranhas,
meu coração, e minha alma!
Esse amor eloquente que
me tira do chão, me faz
ser alguém sem rumo,
sem destino.
Não sabes o quanto
dói esse amor.
E não poderia doer,
mas, por ser tão grande,
tão imenso, me faz
sentir perdida.
Digo aqui agora,
que te aceito de volta
Porque pior do que
sentir a solidão, é não
ter você, é não
estar com você,
é não poder amar você!
Amo-te com toda
minha alma
e coração!

S.A
**
Beijos carinhosos de sempre.

2 comentários:

  1. Te amo! O que sentimos um pelo outro é muito forte. Nossos momentos estão tatuados, são inesquecíveis.....te amo muitãoooo
    Beijos (daqueles que vc conhece bem rs)

    ResponderExcluir
  2. Lindo poema de amor Soraya

    Obrigado pela visita ao Mar.

    Vou linkar o teu mundo

    bjs

    ResponderExcluir

Bem vindos ao blog Cheiro de Perfume.
Obrigada pela presença e pelos comentários aqui deixados.

Um grande beijo!