sexta-feira, junho 29, 2007

Tome as rédeas do destino!

Transforme os seus sonhos
em realidade, mexa-se!
Encare a vida de frente,
tenha coragem de se assumir,
faça acontecer!
Existe alguma receita de bolo?
Uma fórmula secreta?
Como saber qual o caminho da felicidade?
Em primeiro lugar,
você precisa se descobrir,
saber quais são as
suas potencialidades,
preferências,
onde o sapato aperta,
o que realmente quer da vida,
o que faz o seu coração
bater mais forte,
buscar a essência da sua alma,
o prazer de viver!
Abra os olhos para este mundo
tão colorido à sua volta.
Observe a beleza da natureza.
Escute o canto dos pássaros
saudando a sua passagem.
Cheire as flores após a chuva.
Sinta a textura das folhas;
tome um chá de erva cidreira.
Converse com o seu vizinho;
pratique amor incondicional.
Com as emoções à flor da pele,
aproveite a carícia do vento,
encontre as respostas
dentro da sua alma!
Aos poucos, com carinho,
aumente a sua auto-estima,
acredite em você!
Desperte os seus sentidos,
chega de procrastinação!
Perceba os seus desejos
mais íntimos, a verdadeira
transformação é interior,
resolva a sua vida!
Cada dia tem o seu segredo...
Não fuja da raia, porque,
meu amigo, você é o único
responsável pela sua vida!
Não adianta culpar seus familiares
ou a sociedade porque você
deixou de aproveitar as oportunidades.
Vá buscar as respostas,
saia da poltrona,
não chore sobre o leite derramado.
Perdoe as pessoas; chute o balde!
A verdadeira riqueza está dentro de você.
Como diz Rita Lee:
"amor sem sexo é amizade".
Amor tem que valer a pena.
É imprescindível paixão,
regar todos os dias,
sair do lugar-comum.
A atração não se explica!
É questão de pele, olhos no olhos.
Viva no momento presente.
Curta o dia de hoje.
Não pense mais no passado, ele já se foi...
O futuro é fruto de seus pensamentos,
emoções e ações que
você está construindo hoje.
Pense positivo!
A sementinha depende
do que você plantar no
momento presente.
Faça a diferença, seja você mesmo!
A verdadeira felicidade
está dentro de nós.
Você é a pessoa mais
importante da sua vida.
Durante uma breve eternidade,
sinta a essência de sua alma!
Como tudo que é feito
com o coração aberto.
Ame com tudo o que
você tem dentro de si.
Ame muito e para sempre!
Incondicionalmente!
Infinitamente!
**
Bijos carinhosos de sempre.

quinta-feira, junho 28, 2007

Afinidade!

Afinidade é um dos poucos
sentimentos que resistem
ao tempo e ao depois.
A afinidade não é o mais
brilhante, mas é o mais sutil
e delicado dos sentimentos.
Quando há qualquer afinidade,
qualquer reencontro
retoma a relação,
o diálogo, a conversa,
o afeto, no exato ponto
em que foi interrompido.
Afinidade é não haver
tempo mediando a vida.
É uma vitória do
permanente sobre o passageiro.
Do básico sobre o superficial.
Ter afinidade é muito raro.
Mas quando existe,
não precisa palavras especiais
para se manifestar.
Existe antes do conhecimento
e permanece depois que
as pessoas deixaram
de estar juntas.
O que você, às vezes,
sente dificuldade de expressar,
sai simples e claro
a quem você tem afinidade.
Afinidade é ficar longe
pensando parecido a respeito
dos mesmos fatos.
É ficar conversando
sem trocar palavras.
Não é sentir "contra",
nem sentir "para",
nem sentir "por",
nem sentir "pelo".
É sentir "com".
É não ter necessidade
de explicar o que
está sentindo.
É olhar e perceber.
É mais calar do que falar.
Jamais explicar, apenas afirmar.
Afinidade é jamais sentir "por".
Quem sente "por" confunde
afinidade com masoquismo.
Mas quem sente "com"
avalia sem se contaminar.
Compreende sem ocupar
o lugar do outro.
Aceita sem questionar.
Afinidade é retomar a
relação no ponto que parou
sem lamentar o tempo
da separação, porque
tempo e separação
nunca existiram.
Foram apenas oportunidades
e tiradas pela vida para
que cada pessoa pudesse
e possa amadurecer e ser,
cada vez mais,
a expressão do outro.
Afinidade é ambos
olhar para uma
mesma direção.
**
Beijos carinhosos de sempre.

quarta-feira, junho 27, 2007

O Jardineiro...

Quando eu era criança,
encontrei, um dia,
um jardineiro,
com uma tesoura enorme.
Fiquei revoltado quando
vi que começou a
cortar os galhos mais
tenros de todas as plantas.
Reclamei, agarrei
o jardineiro pelo braço...
Fiz um escarcel...
Ele sorriu e pediu que
tivesse paciência e voltasse
em 30 dias para ver o resultado...
Um mês depois todas
as plantas estavam ainda
mais belas e cheias de vida...
Foi assim que aprendi
o segredo das podas...
Elas devem ser feitas
nos galhos que dão frutos...
Parece um sofrimento cortar
justamente esses galhos...
E isso faz pensar na
maneira como reagimos
aos sofrimentos que
nos chegam...
Em vez de achar que são "castigos",
por que não encarar os
sofrimentos como o
agricultor que poda
suas árvores, para que
dêem mais fruto ainda?
De vez em quando,
não vemos nada,
não entendemos nada.
ficamos como árvores,
carregadas de folhagem e que,
depois da poda, se reduzem
a galhos secos,
que lembram braços esqueléticos.
Pois, hoje ou amanhã
quem estiver se sentindo
assim por causa de
uma perda, um abandono,
uma doença, um cansaço,
um desânimo, uma
ingratidão, uma injustiça.
O melhor, muitas vezes,
é nem se meter em dar
explicações que não explicam,
não convencem e deixam a
criatura que está sofrendo
mais esmagada ainda...
Em horas assim,
nada como o exemplo da natureza,
que é sábia!
Tudo sempre volta
a florir e frutificar.
É preciso somente um
pouco de paciência e
uma difícil atitude...
Dar tempo ao tempo...
ele cura absolutamente tudo!
**
É, o tempo a razão de tudo,
o Sr de todas as respostas,
Só o tempo pra cicatrizar, curar
e dar forças pra continuar
essa caminhada chamada
vida.
**
Beijos carinhosos de sempre.

segunda-feira, junho 25, 2007

Hoje eu vou ser feliz.

De hoje em diante todos
os dias ao acordar, direi:
"hoje eu vou ser feliz!"
Vou lembrar de agradecer ao
sol pelo seu calor e luminosidade,
sentirei que estou vivendo,
respirando.
Posso desfrutar de todos
os recursos da
natureza gratuitamente.
Não preciso comprar
o canto dos pássaros,
nem o murmúrio das
ondas do mar.
Lembrarei de sentir
a beleza das árvores
e das flores.
Vou sorrir mais...
vou cultivar amizades e
neutralizar as inimizades.
Não vou julgar os atos
dos meus semelhantes
ou companheiros.
Vou aprimorar os meus.
Lembrarei de ligar para
alguém para dizer que
estou com saudades!
Reservarei minutos de silêncio,
para ter a oportunidade
de ouvir.
Não vou lamentar nem
amargar as injustiças.
Vou pensar no que
posso fazer para diminuir
seus efeitos.
Terei sempre em mente
que um minuto passado,
não volta mais,
vou viver todos os
minutos proveitosamente.
Não vou sofrer por
antecipação prevendo
futuros incertos ,
nem com atraso,
lembrando de coisas
sobre as quais não
tenho mais ação.
Não vou pensar no que
não tenho e que
gostaria de ter,
mas em como posso
ser feliz com o que possuo.
E o maior bem que
possuo é a própria vida.
Vou fazer alguma
coisa para alguém,
sem esperar
nada em troca,
apenas pelo prazer
de ver alguém sorrir.
Vou procurar dar um
pouco de alegria
para alguém,
especialmente quando
sentir que a tristeza
e o desânimo querem
se aproximar.
E quando a noite chegar,
vou olhar o céu,
para as estrelas e
para o luar e agradecer
porque hoje eu fui feliz!
Vai ser assim de hoje em diante.

**
Beijos carinhosos de sempre.

domingo, junho 24, 2007

Imperfeitos.

Vamos falar de falhas?
Defeitos e imperfeições
Quem não tem?
Uma das coisas que fascina
na cidade de San Francisco,
é ela estar localizada sobre
a falha de San Andreas,
um desnível
no terreno da região
que provoca
pequenos abalos
sísmicos de vez
em quando e
grandes terremotos
de tempos em tempos
Você está deslumbrado
caminhando pela cidade,
apreciando a arquitetura,
a baía...
A ponte , e de uma hora
para outra pode perder o
chão, ver tudo sair do lugar,
ficar tontinho, tontinho.
É pouco provável que vá
acontecer justo quando
você estiver lá, mas existe
a possibilidade, e isso
amedronta, mas ao mesmo
tempo excita,
vai dizer que não?
Assim são também as
pessoas interessantes:têm falhas.
Pessoas perfeitas são como Viena
uma cidade quase perfeita.
Linda, sem fraturas geológicas,
onde tudo funciona e você
quase morre de tédio.
Pessoas, como cidades,
não precisam ser
excessivamente bonitas.
É fundamental que tenham
sinais de expressão no rosto,
um nariz com personalidade,
um vinco na testa que
as caracterize.
Pessoas, como cidades,
precisam ser limpas mas
não a ponto de não
possuírem máculas.
É importante suar na
hora do cansaço,
ter também um cheiro próprio,
uma camiseta velha pra dormir,
um jeans quase transparente
de tanto que foi usado,
um batom que escapou
dos lábios depois de um beijo,
um rímel que borrou um
pouquinho quando você chorou.
Pessoas, como cidades,
têm que funcionar,
mas não podem ser previsíveis.
De vez em quando,
sem abusar muito da licença,
devem ser insensatas,
ligeiramente passionais,
demonstrarem um
certo desatino, ir contra
alguns prognósticos,
cometer erros de
julgamento e pedir
perdão depois,
pedir perdão sempre,
para poder ter crédito
e errar outra vez.
Pessoas, como cidades,
devem dar vontade de visitar,
devem satisfazer nossa
necessidade de viver
momentos sublimes,
devem ser calorosas,
ser generosas e
abrir suas portas,
devem nos fazer
querer voltar,
porém não devem
nos deixar
100% seguros, nunca.
Uma pequena dose de
apreensão e cuidado
devem provocar.
Nunca devem deixar
os outros esquecerem
que pessoas, assim como
cidades,têm rachaduras
internas, portanto
podem surpreender...
Falhas...
Agradeça as suas,
que é o que humaniza você,
e fascina os outros.

**
Falhas, defeitos, imperfeição
quem é que não os tem?
É só saber aceitá-los,
porque ninguém é perfeito.
A imperfeição é que nos faz
sentir vontade de lutar
de tentar sermos perfeitos,
de fazer sempre tudo
muito certinho.
Mas estamos longe
disso, a perfeição
jamais existirá.
Devemos sim é
agradecer como diz o texto,
pelas nossas imperfeições
porque é através dela
que estamos sempre
buscando novas coisas,
novo aprendizado.

**
Beijos carinhosos de sempre.

sexta-feira, junho 22, 2007

O amor...

Ah! O amor...
Quem dera o amor não
fosse um sentimento,
mas uma equação matemática:
eu linda + você inteligente = dois apaixonados.
Mas, não funciona assim...
Ninguém ama outra pessoa
pelas qualidades que ela tem.
Caso contrário os honestos,
simpáticos e não fumantes
teriam uma fila
de pretendentes
batendo à porta.
O amor não é chegado
a fazer contas,
não obedece à razão.
O verdadeiro amor
acontece por empatia,
por magnetismo,
por conjunção estelar.
Acontece pela sintonia
pela admiração.
Costuma ser despertado mais
pelas flechas do cupido que
por uma ficha limpa.
Ninguém ama outra pessoa
porque ela é educada,
veste-se bem e é fã de Caetano.
Isso são só referências...
Ama-se pelo cheiro,
pelo mistério, pela paz
que o outro lhe dá,
ou pelo tormento
que provoca.
Ama-se pelo tom de voz
pela maneira que
os olhos piscam,
pela fragilidade que se
revela quando menos se espera.
Amar não requer
conhecimento prévio
nem consulta ao SPC.
Ama-se justamente pelo
que o amor tem de indefinível.
Honestos existem aos milhares,
generosos tem às pencas ,
bons motoristas e bons
pais de família, tá assim, ó...
Mas, ninguém consegue ser
do jeito que o
amor de sua vida é...
Simplesmente maravilhoso!
Desconheço o autor
**
Beijos carinhosos de sempre.

quarta-feira, junho 20, 2007

Só por ti!

Só por ti
(esse ti é seu, que eu tanto amo em você)
tenho vivido dias mais felizes
Só por ti
tenho sonhado com dias melhores
Só por ti
tenho pensado no futuro
Só por ti
meu coração tem batido mais forte
Só por ti
tenho me amado mais
Só por ti
meu sorriso é mais alegre
Só por ti
as flores tem outro aroma
Só por ti
a lua é mais bonita
Só por ti
o pôr do sol é mais lindo
Só por ti
os meus sonhos são coloridos
Só por ti
os pássaros cantam diferente
Só por ti
meus pensamentos voam
Só por ti
meu amor se faz presente
Somente por ti
que respiro amor
vivo esse amor
e diante desse amor minha
vida passou a ter mais cor!
Só por ti!


Amo-te!
*
(Soraya)
**
Beijos carinhosos de sempre.

segunda-feira, junho 18, 2007

Viver é saber amar!

Viver é saber amar com prazer
É saber sofrer sem temer.
Viver é beijar e se deixar levar
É se doar, é saber enfrentar.
Viver é se apaixonar
sem meias-medidas.
Viver é renovar,
é ser feliz
É saber sorrir,
chorar, é se emocionar.
Viver é correr riscos,
é ser infeliz
É estar presente,
mesmo ausente.
Viver é procurar um amor,
encontrar uma paixão.
Viver é sofrer desilusão,
ir ao chão
É estar de pé quando
um novo amor chegar.
Viver é dizer o que quer,
ouvir o que não quer
É deixar fluir sem se iludir.
Viver é saber ser adulto
ou criança.
Viver é criar raízes,
é se aprofundar
É não deixar que essas
raízes danifiquem o alicerce.
Viver é ser real, normal,
irracional
É fincar o pé
quando acreditar.
Viver é ir à luta,
é não desistir
É saber pedir, é implorar.
Viver é perdoar,
é deixar pra lá
É por pra fora o seu melhor.
Viver é ser transparente,
condescendente, urgente.
Viver é descobrir a
força da liberdade
É conhecer o poder
da igualdade.
Viver é desejar, ir,
ficar, voltar
É saber crescer,
saber perder.
Viver é compartilhar,
dividir, comungar.
*
Autoria de Ana Cristina Lima de Menezes
**
Viver é simplesmente se amar, e amar
o outro
com toda a intensidade!
*
Beijos carinhosos de sempre.

Selo ''Fui Flechada Pelo Cúpido".

Fui flechada pelo cupido!
Fui selecionada pelo blog
♥ Simplesmente Carol ♥
entre os 10
blogs que falam de amor e
Carolzinha presenteou-me
com esse selo.
Obrigada Carol pelo presente,
e vou selecionar os 10 outros blogs
para oferecer esse selo.

**
Beijos carinhosos de sempre.

sábado, junho 16, 2007

Linda imagem!


Quando olhei essa imagem, fiquei
vislumbrada, além
das inúmeras coisas criadas
por Deus que eu admiro muito,
está o pôr do sol,
esse da foto é
lindíssimo.
Paro e fico olhando as maravilhas
que nos são dadas de graça,
e que poucos dão valor.
Somente quem consegue enxergar
com o coração é que vê a beleza
da natureza!
*
Beijos carinhosos de sempre.

sexta-feira, junho 15, 2007

Mulher mineira, mulher brasileira.


O "caldinho" que envolve a mineira
e dá a ela este jeitinho tão
gostoso foi preparado em panela
de ferro num fogão à lenha!
Mineira não mente, conta lorota.
Não paquera, espia.
Não fica bonita,
já nasce formosa.
Mineira não usa perfume
e cheira gostoso demais (sô).
Mineira não curte um som,
ouve música.
Não fala, proseia.
Mineira não come estrogonofe,
mas adora um picadinho.
Não faz crediário,
compra fiado.
Não fica pelada,
mostra as "vergonhas".
Não erra, comete engano.
Não liga pra ninguém,
mas telefona pra todo mundo.
Mineira ama diferente.
Flerta de longe, promete
com o olhar e cumpre tudo
o que nos fez sonhar.
Ela sabe que amor não
é pra discursar, é pra fazer.
Ama com os olhos,
com as mãos,
com o sorriso,
com os gestos.
Conheci muitos tipos
de brasileiras.
Faceiras, trigueiras,
formosas, poderosas,
turbinadas, loiras,
morenas, mulatas,
bonitas, mas lhes falta
essa brejeirice das mineiras,
essa paciência de tecer
sem pressa uma teia de
aconchegos e mimos,
de lembranças e sorrisos,
que nós das gerais tanto apreciamos.
Existem coisas que já nascem
com a mulher e muitas destas
coisas estão diretamente
ligadas ao lugar.
Mineira faz doce como
ninguém neste país.
Quem já provou doce
de cidra ou de leite feito
por mineira, sabe o que é bom.
Goiabada e marmelada,
então, nem se fala.
Mineira ensina mais porque,
o que há de importante,
ela já nasceu sabendo.
Mineiras se embelezam com
bijuterias e ofuscam o
brilho de jóias raras.
Vestem-se de chita e
ficam bonitas, porque
mineira não segue moda:
faz moda.
Mineira não usa tênis,
enfeita as alpercatas.
Mineira vai à igreja,
assiste missa, comunga,
mas por via das dúvidas
toma um passe no centro
espírita e joga rosas vermelhas
pra Iemanjá no corgo de
frente à horta.
Sabe que são misteriosos
os caminhos que levam
às graças de Deus.
Escondida por trás da
simplicidade de toda
mineira está uma guerreira...
Escondida atrás de toda
simplicidade e graça
está uma brasileira!
*
Autoria de Domingos Leoni.

*

Ser mineira é tudibom,

interior de minas é recheado

de coisas boas, de culturas,

passados ainda vivos.

Mineira do interior transmite

simplicidade nas palavras,

no jeito de ser

no andar.

Amo ser mineira, é um orgulho

que tenho dentro de mim,

e sou uma mineira da gema

amo com o olhar,

com as mãos,

amo com o coração e a alma,

como somente

uma mineira sabe amar!

**

Beijos carinhosos de sempre.

terça-feira, junho 12, 2007

Namorar é muito bom!


Namora, quem lê nos olhos
e sente no coração as vontades
saborosas do outro.
Namora, quem se embeleza
em estado de amor.
A pele melhora, o olhar fica
com brilho de manhã.
Namora, quem suspira,
quem não sabe esperar,
mas espera, quem se sacode
de taquicardia e timidez
diante da paixão.
Namora, quem ri por bobagem,
quem entra em estado de música,
quem sente frios e calores
nas horas menos recomendáveis.
Namorados que se prezam
tem a sua música e não temem
se derreter quando ela toca.
Namorados que se prezam
gostam de beijo, suspiro,
morderem o mesmo pastel,
dividir a empada,
bebem no mesmo copo.
Apreciam ternurinhas que
matam de vergonha fora do
namoro ou lhes parecem
ridículas nos outros.
Por falar em beijo, só namora
quem beija de mil maneiras
e sabe cada pedaço e gostinho
da boca amada.
Beijo de roçar,
beijo fundo,
inteiro,
os molhados,
os de língua,
beijo na testa,
beijo livre como o pensamento,
beijo na hora certa e
no lugar desejado.
Sem medo, nem preconceito.
Beijo na face,
na nuca e aquele especial
atrás da orelha,
no lugar que só ele
ou ela conhece.
Por isso, só namora quem
se descobre dono
de um lindo amor,
tecido do melhor de si
mesmo e do outro.
Só namora quem não
precisa explicar,
quem já começa a falar pelo fim,
quem consegue manifestar com
clareza e facilidade tudo o que
fora do namoro é complicado.
Namora, quem diz:
"precisamos muito conversar"
e quem é capaz de perder tempo,
muito tempo, com a mais útil
das inutilidades e pensar no
ser amado,
degustar cada momento
vivido e recordar palavras,
fotos e carícias com uma
vontade doida de estourar
o tempo e embebedar-se
de flores astrais.
Namora quem é bom,
quem gosta da vida,
de nuvem, de rio gelado e
de parque de diversões.
Namora quem sonha,
quem teima, quem vive
morrendo de amor e quem
morre vivendo de amar.
*
(Arthur da Távola)
**
Namora quem sente na alma,
o doce olhar do amado.
*
Feliz dia dos namorados
à você meu amor,
felicidades para mim,
pra você, pra nós.
Eu amo namorar você!
Amo-te.
*
Beijos carinhosos de sempre.

segunda-feira, junho 11, 2007

Muito diferente.


Guilherme Arantes - Muito Diferente

Sua verdade é o que me atrai,
ensina o que eu não sei
Está em toda parte,
onde eu chamar seu nome
Onda de luar, me bateu no coração,
quebrou o meu silêncio
Entrou o seu perfume
Prazer em conhecer,
o gosto sem igual
Da tal felicidade bom saber,
que há sempre um tempo
pra gostar
Sem pressa de gozar
Sem nada a se provar,
nenhuma explicação
Pra força que nos une
O amor que tome conta da vida da gente

**
Sim, há uma força
que nos une, mais
do que se possa imaginar,
Esse imenso amor
que sentimos um pelo outro
e que entra em nossos
poros, em nossos corpos,
é que nos atrai
tanto um para o outro.

*
Linda letra, linda melodia.
Amor da minha vida,
só tenho a agradecer
a você pela música
que me dedicou.

*
Beijos carinhosos de sempre.

domingo, junho 10, 2007

Apredizagem e esquecimentos.

A distância pode causar saudade,
mas nunca o esquecimento...
De uma forma positiva,
aprendi que não importa o que aconteça
ou quão ruim pareça o dia de hoje,
a vida continua, e amanhã será melhor.
Aprendi que se pode conhecer
bem uma pessoa, pela forma como
ela lida com três coisas:
um dia chuvoso,
uma bagagem perdida e os fios
das luzes de uma árvore de
Natal que se embaraçaram.
Aprendi que, não importa o tipo de
relacionamento que se
tenha com seus pais,
você sentirá falta deles quando partirem.
Aprendi que "saber ganhar"
a vida não é a mesma
coisa que "saber viver".
Aprendi que a vida, às vezes,
nos dá uma segunda chance.
Aprendi que viver não é
só receber, é também dar.
Aprendi que se você procurar
a felicidade, vai se iludir.
Mas, se focalizar a atenção na família,
nos amigos, nas necessidades
dos outros, no trabalho e procurar
fazer o melhor, a felicidade
vai encontrá-lo.
Aprendi que sempre que decido
algo com o coração aberto,
geralmente acerto.
Aprendi que diariamente preciso
alcançar e tocar alguém.
As pessoas gostam de um
toque humano,
de segurar na mão,
de receber um abraço afetuoso
ou simplesmente de um
tapinha amigável nas costas.
Aprendi que ainda tenho
muito o que aprender.
As pessoas se esquecerão
do que você disse...
Esquecerão o que você fez....
Mas nunca esquecerão como você as tratou.

**
(Desconheço o autor)

**
Beijos carinhosos de sempre.

sábado, junho 09, 2007

Valorize as coisas certas...


Navegue, descubra tesouros,
mas não os tire do fundo do mar,
o lugar deles é lá.
Admire a lua, sonhe com ela,
mas não queira trazê-la para a terra.
Sonhe com as estrelas,
apenas sonhe.
Elas só podem brilhar no céu.
Não tente deter o vento,
ele precisa correr por toda parte,
ele tem pressa de chegar
sabe-se lá onde.
Não apare a chuva,
ela quer cair e molhar muitos rostos,
não pode molhar só o seu.
Quem você ama?
Guarde dentro de um porta-jóias,
tranque, perca a chave!
Essa é a maior jóia que você possui,
a mais valiosa.
Não importa se a estação do ano muda,
se o século vira
Conserve a vontade de viver...
Sem ela, não se chega à parte alguma...
Abra todas as janelas que encontrar
e as portas também.
Persiga um sonho, mas não
deixe ele viver sozinho.
Descubra-se todos os dias,
deixe-se levar pelas vontades,
mas não enlouqueça por elas.
Dá um sorriso para quem esqueceu
como se faz isso.
Olhe para o lado,
alguém precisa de você.
Abasteça seu coração de fé,
não a perca nunca.
Mergulhe de cabeça nos seus
desejos e faça tudo para realizá-los.
Procure os seus caminhos,
mas não magoe ninguém
nessa procura.
Arrependa-se, volte atrás, peça perdão!
Não se acostume com o que
não o faz feliz, revolte-se se for preciso...
por que não?
Se achar que precisa voltar, volte!
Se perceber que precisa seguir, siga!
Se estiver tudo errado,
comece novamente.
Se estiver tudo certo, continue.
Se sentir saudades, mate-a.
Se perder um amor, não se perca!
Se achá-lo, segure-o!
Circunda-te de rosas...
Ama...
Bebe...
E cala...
O mais é nada.
*
(Texto atribuído a Fernando Pessoa)

**
Beijos carinhosos de sempre.

terça-feira, junho 05, 2007

O que é Mágico?

Mágico é trabalhar com o invisível.
Mágico, hoje é ter respeito humano.
É receber a mensagem do cosmos,
é usar a cor e o cristal para curar e
é ver o destino nos astros.
É saber cuidar do corpo,
da mente do espírito,
é montar um ritual para a vida,
conhecer o oculto,
harmonizar-se com os
anjos e com as fadas,
é ser gente das
estrelas amando a terra.
É amar a todos e ser amado por todos.
Isso é magia do ser.
Mágico é ver a fé de multidões
em torno de um símbolo e acreditar
que aquele símbolo (de amor)
possa trazer paz e
conforto aos corações...
Mágica é a coragem de ser pioneiro,
sonhar e trabalhar pela
utopia da nova era.
É descobrir, compreender
e aceitar que Deus é um
ser onipotente.
É deixar de ser alienado e descobrir
que bem e mal existem.
É ter coragem de se olhar no espelho.
Em todas as coisas
belas da vida existe magia...
Senão, como explicar o encanto
que certas pessoas
exercem sobre a gente?
É tão difícil explicar e
tão fácil de perceber.
Há magia no ar,
quando algo de
especial acontece.
É tão bom viver
esses momentos.
Por um instante
perceber a sincronia,
fazer parte de um segredo,
estar vendo as engrenagens do
universo se encaixando
com perfeição,
porque nada (mas, nada mesmo)
acontece por acaso...

**
Realmente, nada acontece
por acaso em nossas vidas.
A vida, a morte, o amor,
a separação, a reconciliação,
o conhecer, o encontro
nada disso acontece por acaso.
Tudo tem um motivo
uma razão de ser.
**
Beijos carinhosos de sempre.

sexta-feira, junho 01, 2007

Que Maravilha Viver.


Simone - Que Maravilha Viver

*
Vejo no jardim
A flor nascer
Num dia azul
Penso em você
Então,digo pra mim:
Maravilha viver...
Onde nasce a luz
Se escurecer
E a noite cair
O sol vai nascer
Então,digo pra mim:
Maravilha viver...
Atrás do arco-íris
Por certo existe a paz
Com todas as pessoas
Que pela vida leva e traz
Eu sinto a emoção
Da dor e do prazer
Porque meu coração
Está com você
O mundo vai seguir
O tempo correr
Eu sou feliz
Tenho você!
Então,digo pra mim:
Maravilha viver...

*
Essa música me foi dedicada
ontem, ainda não a tinha
escutado, achei maravilhosa a letra.
Coube direitinho ao dia, fala
da flor, uma das coisas
que eu amo, fala da vida,
bendita vida, fala do amor,
de alguém o qual amamos,
do pensamento na pessoa
e do sol que aquece.
A letra da música
se encaixa direitinho
ao momento que estou
vivendo!
Lindíssima letra.
**
Beijos carinhosos de sempre.