quinta-feira, outubro 19, 2006

Amor Virtual.

Amores na internet.
O romance na internet é mais rápido e intenso porque as pessoas se despem de suas máscaras e de seus papeis sociais. Protegidas pelo anonimato, expõem seus medos e inquietações. Tornam-se mais humanas e, por isso, mais encantadoras. Você primeiro se apaixona pela essência, pela alma e pelo carisma.

*

Renascimento das cartas de amor.

Como a única arma de conquista são as palavras, os namorados virtuais se empenham em tomar emprestados versos de poetas e capricham no conteúdo das mensagens. A internet resgatou a importância da linguagem escrita e deu novo status às antiquadas cartas de amor. Declarações apaixonadas em geral são impressas, e relidas quando a saudade aperta e guardadas com carinho,como nos tempos dos nossos avós

*

Uma história verdadeira.

Toda manhã, antes de sair para o trabalho, o construtor Vicente Garcia preparava o suco da namorada, Rosana, e a beijava na testa, deixando-a aos cuidados da gata Frida. Tanto a gata quanto o namorado, a paulista Rosana Castro, conheceu pessoalmente no natal, quando passou dez dias na Espanha. Lá, protagonizou uma história de amor quase piegas, daquelas em que o casal fica dois dias namorando num quarto de hotel, passeia pelas ruas agarradinho, procura não pensar no futuro e se despede com lágrimas. Tamanha entrega se justifica. Rosana e Vicente tinham vencido o teste mais dificil dos namoros iniciados pela internet: o da química dos corpos. Durante cinco meses ela teclou de São Paulo e ele de Valência, ao sul de Madri. Assim como Rosana e Vicente, um número cada vez maior de pessoas está envolvido em namoros virtuais. O fascínio das pessoas impressiona. Em poucos meses se intensifica a paixão, aumenta a frequência da correspondência e se instala a urgência desesperadora de ficar junto. Rosana jamais imaginou arranjar um namorado virtual: "Tinha o maior preconceito, achava que era coisa de gente sem competência para a conquista, e com medo de encarar um olho-no-olho".Mudou de idéia quando, começou a navegar pela vez primeira na internet e logo encontrou com Vicente numa sala reservada a estrangeiros. "Em três dias percebi que ele era um homem especial",em 10 dias ele a pediu em namoro, em 14 dias depois que começou o namoro lhe mandou um buquê de rosas vermelhas, e em dois meses depois já não suportavam a distância que os separava. Em 6 meses de namoro, Rosana embarcou para Madri, aquela altura ela e Vicente já se falavam regularmente pelo telefone. Aprofundando o diálogo virtual, "Analisando suas mensagens, percebi o quanto era estável e delicado comigo, sabia se eu estava triste, chateada ou mal humorada", conta. O medo de Rosana ao entrar no avião era outro: o de que o "cheiro"dos dois não combinasse. O cheiro combinou, a química bateu o amor prevaleceu. Quando Rosana veio embora, a saudade precipitou o casamento dos dois. Ao se ver sozinho na casa vazia em Valência, Vicente chorou por dois dias. A rotina em São Paulo também pareceu irreal a Rosana. "Cheguei a pensar em romper.Não tinha mais sentido aquele sofrimento. Cabia em mim a decisão de investir no amor ou na carreira. Escolhi o amor".

**

Há casos em que o final é feliz, foi constatado que 93% de namoros na internet não dão certos,

muitas das vezes as pessoas não aguentam a distância, ou descobrem que não era amor o que

sentiam. Mas independente de ser virtual ou não, eu entendo que o amor, tem sempre que

prevalecer, desde que haja respeito, cumplicidade, entrega total...porque amar é se entregar por

completo, por inteiro sempre.
*

Beijos carinhosos de sempre !!!

9 comentários:

  1. Olá, S.M...
    Apreciei bastante o texto...
    Inclusive mostrei a minha namorada... Nos comunicamos virtualmente desde Janeiro... Em Abril a visitei... Ela mora a 520 Km, mas bem perto do meu coração... Nos apaixonamos... Estamos tocando... Ela é ótima... Estamos passando por um momento difícil agora... Não conseguimos passar o sábado à noite juntos... Teclando, não é... Mas tudo bem... Nessas horas, seria bom ficar abraçados, sem dizer nada, até passar... Mas... Obrigado... Um ótimo texto... Um grande abraço

    ResponderExcluir
  2. amei este texto, estou passando por isso.em meio as turbulências da minha vida encontrei alguém virtualmente ainda não o conheço,mas a saudade é muito grande.ele passou a fazer parte de mim.o respiro o vivo constantemente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. o mesmo estou passando também, fará um ano que nos conhecemos entre brigas, afastamento, estamos juntos novamente, ja parei varias vezes a pensar vou terminar, nao dá mais, ai volto atrás e continuo nesse namoro que nao sei se vira real ou fica no virtual..

      Excluir
  3. Adorei o texto, estou vivendo isso agora faz 7 meses que namoro pela internet nos conhecemos através de um jogo já terminamos ficamos um més separados até que não aguentamos, a saudade afff agora estamos mais juntos que nunca mais ainda não deu para nos conhecermos pessoalmente mais logo vai acontecer.

    ResponderExcluir
  4. Aí me emocionei... historia de Rosana e Vicente é exatamente como a minha.bjos

    ResponderExcluir
  5. Aii adorei a historia de Rosana e Vicente é bem parecida com a minha .bjos

    ResponderExcluir
  6. Adorei o texto, muito haveer cmg e meu Deê lindo.

    ResponderExcluir
  7. Eu me chamo Suyara, tenho 22 anos encontrei o meu amor num site de relacionamento. Estou muito apaixonada, e pelo que vejo acredito que ele também. Antes nos falávamos somente quando entrávamos no site, no início não me empolguei muito, mas depois me vi envolvida, e assim estamos até hoje. No dia 24/09/13 faremos cinco meses que estamos juntos, porém infelizmente ainda não nos conhecemos pessoalmente. A minha família é Libanesa e cheia de critérios, e por ser educada de tal forma estou tentando me conter para não desrespeita-lo. Nos falamos três vezes ao dia, trocamos e-mails e mensagens, mas como diz ele, está difícil administrar isso, eu também concordo. Quero conhece-lo em breve e realizar o nosso sonho de estarmos juntos para sempre. Acredito no nosso amor e isso tem transformado os meus dias.

    ResponderExcluir
  8. Janaína Souza14 agosto, 2014 23:52

    Fato. conheci uma pessoa se falavamos quase todos os dias

    ResponderExcluir

Bem vindos ao blog Cheiro de Perfume.
Obrigada pela presença e pelos comentários aqui deixados.

Um grande beijo!